segunda-feira, 11 de maio de 2009

Violinos, Cello, Rock Pt.20 – Vanguard (Finland)




Embora eu considere meu gosto musical um pouco fora do convencional visto o tipo de material que costumo postar por aqui, de tempos em tempos eu sinto uma necessidade bastante grande de resgatar as minhas raízes musicais... Isto é, barulho; muuuito barulho! rs Sempre gostei e ainda mantenho meu pé ali calcado no bom e velho Heavy Metal, a brutalidade deste tipo de som tem o poder de lavar minha alma e dar aquela revigorada... : )


Vanguard é uma banda Finlandesa que acompanho desde sua primeira demo de 2004; primeiro pelo crossover entre o Black x Death Metal e segundo, pela improvável existência de um Cello no meio do pandemônio sonoro.


Em 2005, após participarem do festival Alemão “Wacken Open Air” – um dia estarei lá – eles finalmente tiveram a oportunidade de gravar seu primeiro full play, seu debut “Succumbra”. Considero este álbum um trabalho ainda bastante cru. Mas, apesar de não apresentarem nada de novo a não ser uma bela coleção de clichês funcionais e uma horripilante arte final, existia certa “aura” em sua música que indicava que ainda iriam mostrar a que vieram de fato.


Pois bem.

Eis que agora em 2009, lançam seu segundo full play de estúdio nomeado “Hydralchemy”. E nossa, que surpresa!! Neste Hydralchemy, finalmente o Vanguard começou a se refinar, criando uma coalizão quase perfeita entre força bruta e maciça e beleza sutil; apresentando composições que se assemelham a verdadeiras forças da natureza.


Este álbum mostra uma grande maturidade e coesão em suas composições. Todos os instrumentos se complementam perfeitamente, criando melodias perfeitas e poderosas. O destaque fica por conta dos vocais femininos da cantora Suvi Grym pois, diferentemente das inúmeras clones da Tarja Turunen (Ex- Nightwish), ela soa totalmente natural e não usa de influências de canto lírico.


E, fazendo juz à presença desta banda neste blog, como não poderia ser diferente; lá está presente o Cello em praticamente todas as músicas, adicionando “aquele” feeling as musicas bem como um maior senso de profundidade – embora este, não seja instrumento de destaque como, por exemplo, no caso do pessoal do Hevein.


No geral é um belíssimo trabalho, embora pouquíssimo indicado para quem não tem uma veia Black ou Heavy Metal... No entanto, para os amantes do gênero, é um prato cheio!


Lindo!


Link Clip: “Whisper”















Link: Vanguard - “Hydralchemy”.
















Um comentário:

jefferson disse...

Excelente banda a Vanguard, mas não sei se vcs conhecem a banda de Doom Gothic ELEGEION, é uma banda espetacular, principalmente a musica Scars.
Deem uma olhada www.myspace.com/elegeion